"Angaryando"

Xêro, das margens de São Francisco
                   
            
Xêro, flor das margens
              
              
beleza de flor de gente

           
tatuagem em meus olhos

         
olho d'água de gente

               
abobrinha da terra

          
fulô de xêro



*Poema de Euvaldo Macedo Filho

1 comentários:

Eneida disse...

Paty, as fotos estão lindas!!!!!! lindas mesmo!
já pensou em expor? axo q vale a pena mostrar!
bjo